Medida responde ao crescimento da demanda por estrutura tecnológica para oferecer serviços financeiros por fintechs, varejistas e agentes públicos

Por Redação

Banco Original decidiu transformar sua divisão Original Hub em uma unidade distinta de negócios. O Original Hub é uma plataforma de Banking as a Service (BaaS) que fornece um conjunto de infraestrutura tecnológica e APIs para outras empresas para a prestação de serviços bancários a clientes finais.

De acordo com o banco digital, a medida é uma resposta ao crescimento da demanda por esse tipo de serviço por parte de fintechs, varejistas e agentes públicos, entre outros. Só no primeiro semestre desse ano, o Original processou mais de 73 milhões de transações para terceiros, incluindo serviços de pagamento pelo PIX, pagamentos de boletos bancários, agendamento de débito automático e saque na rede Banco24Horas.

O crescimento do mercado de plataformas BaaS como o Original Hub se deve ao fato de que, para operar, as fintechs e instituições que prestam serviços financeiros para outras empresas e instituições públicas precisam de certificações do Banco Central.

Por meio de plataformas como o Original Hub, essas empresas conseguem fazer a oferta de serviços financeiros para outras empresas (B2B) ou para seus consumidores (B2C). Em outras palavras, o Original Hub “aluga” a sua infraestrutura tecnológica para transações financeiras. Atualmente, são cerca de 40 clientes, entre fintechs e empresas de vários setores, incluindo do setor de telefonia.

Para atender à procura crescente, o Original Hub está incluindo novos serviços, como o pagamento instantâneo PIX para varejistas e agendamento de débito automático. “O BaaS é o caminho para acelerar a oferta de serviços financeiros em qualquer ecossistema digital”, disse Alexandre Conceição, presidente do Original Hub.

A decisão do Banco Original acontece em um momento de inovação para o sistema financeiro e bancário brasileiro com a implementação do open banking, sistema liderado pelo Banco Central que vai permitir que os clientes compartilhem suas informações financeiras entre instituições autorizadas pelo BC. Com isso, terão mais autonomia para escolher serviços e produtos financeiros e poderão gerenciar a vida financeira em mais de uma plataforma ou app.

Do lado do mercado, o open banking tem potencial para colocar em pé de igualdade os bancos tradicionais, fintechs e demais instituições financeiras que operam sob alguma licença do Banco Central do Brasil graças à adoção de uma camada de tecnologia padronizada que vai simplificar a comunicação e a portabilidade de dados entre as instituições.

 

Fonte: Labs News

O post Banco Original transforma Original Hub em unidade de negócios apareceu primeiro em OasisLab.

close-link