Jogos de videogame e o universo de moda têm muito em comum. Da união desses dois mundos, surge uma nova cultura

 

Quando uma marca como a Louis Vuitton aparece no campeonato mundial do jogo League of Legends como a designer da mala que carrega o troféu do evento, além de criar roupas para skins das personagens e desenvolver uma linha de vestuário baseada no game, é um sinal claro de que esses dois mundos estão cada vez mais próximos. E com razão.

Jogos, como a moda, são uma espécie de rede social, pois geram conexões e relacionamento. “A moda é nosso jogo do mundo real”, disse Virgil Abloh, diretor artístico da Louis Vuitton, durante painel no Web Summit 2020. A marca de luxo enxergou plataformas como League of Legends e Fortnite como meios de criação de laços com os consumidores. “Os games se tornaram canais de conteúdo, como vemos nos shows apresentados no Fortnite ou os streams no Twitch. É uma nova mídia e um meio de engajamento muito relevante para uma geração de consumidores”, analisa.

Durante a pandemia, os games ajudam a aproximar as pessoas de marcas, produtos e amigos e se tornaram catalisadores de um movimento cultural. “No ambiente digital tudo pode ser realizado e pontes emocionais são construídas. Isso não é uma novidade da pandemia: eu mesmo cresci com isso. A novidade é que os games se firmaram em 2020 como veículos importantes para a cultura popular”, comenta Abloh.

Para Jens Hilgers, sócio da Bitkraft Ventures, os games trabalham com desejos do mundo real, como o pertencimento, a conexão e o acesso a produtos. “Desejos humanos são realizados dentro dos games e por isso os jogos são um ambiente incrível para construir relacionamentos duradouros e desenvolver comunidades. Para as gerações mais novas, não existe nem mesmo a diferença entre real e virtual, o que aumenta a relevância das plataformas de games”, analisa.

O resultado é uma oportunidade e uma ameaça. Oportunidade de se fazer presente em novos meios de relacionamento. E a ameaça de se tornar irrelevante por não participar do diálogo que os consumidores desenvolvem com as marcas por meio de plataformas de games. Mais um grande desafio para o marketing e o consumo nesta próxima década.

 

Confira a cobertura completa do Web Summit 2020 no site do OASISLAB.

 

O post Games e moda: um casamento de sucesso apareceu primeiro em OasisLab.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *